Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > O curso
Início do conteúdo da página

O Curso

Bacharelado em Planejamento Territorial

O curso: inovação na graduação

Confira o folder do curso

O Bacharelado em Planejamento Territorial - vinculado ao Bacharelado em Ciências e Humanidades da Universidade Federal do ABC - é um curso de graduação destinado a combinar abordagens, conceitos e métodos do planejamento e do desenvolvimento territorial. O curso prepara nova geração de profissionais com habilidades e capacidades para interpretar demandas, vocações e conflitos nos territórios contribuindo em ações, estudos, projetos, programas e políticas de desenvolvimento em dimensões local, metropolitana, regional e nacional.

O curso oferece uma formação capaz de integrar conhecimentos e instrumentos de diversas áreas disciplinares, tanto das ciências humanas e sociais (economia, administração, demografia, planejamento urbano e regional, ciência política, sociologia, geografia e história), quanto das ciências exatas e naturais (estatística, cartografia, geoprocessamento e ecologia). Com abordagem interdisciplinar, o curso possui interface com os cursos de Ciências Econômicas, Políticas Públicas e Engenharia Ambiental Urbana, compartilhando disciplinas, projetos de pesquisa e de extensão, entre outros.

 

Habilidades e competências desenvolvidas

O profissional estará habilitado para participar de equipes interdisciplinares para elaboração de planos diretores municipais, planos metropolitanos, planos regionais, planos de risco e gerenciamento de resíduos sólidos, diagnósticos e planos de habitação, regularização fundiária, planos de mobilidade urbana, desenvolvimento rural, estudos ambientais, produção de pesquisas e diagnósticos urbanos e ambientais; estudos de prospecção para viabilização de empreendimentos imobiliários; elaboração de Planos e definição de estratégias de recuperação ou gestão ambiental de áreas de interesse ambiental; elaboração de zoneamento econômico ecológico; avaliação econômica de projetos e programas; avaliar impactos da expansão da atividade econômica e entender as consequências territoriais dos investimentos e produzir estudos de impactos e recomendações para minimizar os efeitos negativos.

 

Mercado de trabalho - bacharéis em Planejamento Territorial

Com esta formação, o profissional terá capacidade para atuar em diferentes modalidades de planejamento e gestão territorial, seja no setor público, na iniciativa privada ou em organizações sociais e do terceiro setor, além da possibilidade de seguir sua formação na Pós-Graduação.

  • No setor público: municípios, estados, Distrito Federal, ministérios, autarquias, agências reguladoras, empresas públicas e sociedades de economia mista;
  • No setor privado: mercado imobiliário, planejamento e logística, empresas de serviços e consultoria, bancos (de fomento) e agências de financiamento;
  • Organizações sociais e do terceiro setor: organizações não governamentais, movimentos sociais, instituições acadêmicas e de pesquisa, agências bilaterais e multilaterais de cooperação;
  • Carreira acadêmica: instituições acadêmicas e de pesquisa - na área de Planejamento Urbano e Regional da CAPES, existem cerca de 40 cursos reconhecidos de mestrado e doutorado;
Regulamentação da profissão

A atuação deste profissional não é fiscalizada por Conselhos Profissionais, pois o artigo 5º XIII da Constituição Federal de 1988 garante a liberdade no exercício de qualquer trabalho, desde que não exista norma que condicione o seu exercício em razão de riscos sociais que a profissão oferece, sendo que tais riscos inexistem no caso do Planejador Territorial.

Os planejadores formados no Brasil podem ainda se associar a entidades internacionais, a exemplo da International Society of City and Regional Planners (ISOCARP), à Associação Latino-americana de Escolas de Urbanismo e Planejamento (ALEUP) e as tividades da Global Planning Education Association Network (GPEAN).

 

O campo do Planejamento Territorial

Para saber mais sobre o campo do planejamento territorial, acesse:

 

 

Dúvidas sobre o curso?

Caso ainda tenha dúvidas, confira as respostas a algumas das perguntas mais frequentes sobre o curso ou entre em contato.

Fim do conteúdo da página